Campeão mundial de jiu-jitsu, Fernando Vieira se prepara para enfrentar nocauteador Tyson Nam no XFC

Atletas fazem confronto de estilos na luta principal do evento, que acontece no dia 13 de dezembro, em Campinas (SP)

  • Notícias

No que depender de Fernando Vieira e Tyson Nam, a oitava edição do XFCi promete ter em sua principal atração um duelo eletrizante. O confronto de estilos entre o jiu-jitsu apurado de Fernandinho e o kickboxing do norte-americano, dão a tônica do duelo peso-galo (até 61,2kg), que encabeça o evento do dia 13 de dezembro, em Campinas (SP), no Clube Concórdia. A RedeTV! transmite ao vivo o card principal do XFCi 8, na madrugada de sábado para domingo, a partir de 00h30 (horário brasileiro de verão). Os ingressos podem ser adquiridos pelo siteTicket360.com.br e variam de R$ 20 a R$ 100, de acordo com o setor escolhido.


Tyson Nam, de 31 anos, tem no cartel 19 lutas, com 12 vitórias, e já lutou no Brasil, em 2012. Seu poder de nocaute tem sido motivo de estudos para o campeão mundial de jiu-jitsu Fernando Vieira, que no MMA soma dez vitórias e apenas duas derrotas, a última em 2009. O brasileiro, natural de Manaus, garante estar pronto para se sair bem em qualquer esfera, especialmente após intensificar treinos de muay thai com André Dida, em Curitiba.

"Sei que o Tyson Nam é perigoso, mas estou pronto para ser melhor que ele no dia 13. Tenho excelentes treinamentos na minha equipe, estou muito bem preparado para o combate. Até o dia da luta, é só ajustar algumas coisas. Estou confiante para manter minha boa sequência de vitórias", avisa Fernando, embalado por seis vitórias no cartel. 

Estreante no XFC, Tyson Nam quer neutralizar Fernando Vieira e impedir que o rival faça prevalecer sua habilidade na arte suave. Para isso, o norte-americano se apega a uma estatística que carrega no cartel: a de nunca ter sido derrotado por finalização na carreira. 

"O Fernando é campeão mundial de jiu-jitsu e isso já diz muito para mim. Gosto da trocação, tenho grandes nocautes em minha carreira e nunca fui finalizado. Então, esse será um duelo muito interessante, me soa muito bem. Os fãs vão gostar", afirma Nam, que tem seis vitórias por nocaute na carreira.

Presidente do XFC, Myron Molotky exalta as qualidades dos atletas. "Fernando é um cara muito habilidoso, perigoso e forte para o peso-pena e estamos muito felizes em tê-lo lutando pelo XFC. Sua habilidade no jiu-jitsu é impressionante, mas Tyson Nam já derrotou alguns caras muito duros e com grande habilidade de chão. É um nocauteador agressivo e uma excelente contratação para o evento, que busca sempre trazer grandes nomes para o hexágono", afirma.

Brasileiro sonha com disputa de cinturão

Centrado em seu próximo desafio, Fernando Vieira tem como meta figurar cada vez mais como postulante ao título do XFC. Protagonista da principal luta do XFCi 8, o brasileiro espera vencer de forma contundente para se tornar um nome a se observar para uma futura disputa de título. Fazendo a segunda luta pela organização, sendo o primeiro combate no XFCi 1 ainda entre os pesos-penas (até 66,1kg), o manauara quer seguir esta escala para aparecer entre um dos indicados a disputa do cinturão mundial da divisão, que atualmente está vago.

"Quero vencer o Nam e ter minha chance ao cinturão do XFC. Estou focado nisso, com muita vontade. Treino três vezes por dia, seis dias por semana, sempre pensando na chance ao título", frisa, relembrando a vitória que teve na estreia pela organização, em fevereiro deste ano, contra Marcelo Rojo, ainda na categoria dos penas: "Fiz o que mais gosto em minha primeira luta no hexágono, que é finalizar. Fiquei muito feliz com aquela vitória, mas quero mais".

Tyson Nam, por sua vez, espera mostrar todo o seu talento no primeiro compromisso pela franquia. Retornando ao Brasil após sair vitorioso de um grande combate no país em agosto de 2012, ele espera repetir o feito. "Estou muito animado para estar no hexágono do XFC. Adoro o Brasil, é um país incrível, e será um grande prazer lutar diante dos fãs brasileiros. Sinto que será um grande show. Estou preparado para mostrar o que tenho de melhor e novamente sair como vencedor".

Na linha de futuros postulantes ao cinturão mundial dos galos ainda estão os quatro integrantes do GP da categoria, iniciado no XFCi 6, em setembro deste ano. O brasileiro Daniel Virgílio, o mexicano Edgar Cabello, o colombiano Alejandro Abomohor e o americano James Gray estão nas semifinais do torneio e seguem na busca pela conquista da medalha de ouro, prêmio do XFC ao vencedor do Grand Prix. 

XFC International 8 - Serviço

Data: Sábado, 13 de dezembro de 2014
Local: Clube Concórdia 
Endereço: Rodovia Heitor Penteado Km 6, Campinas (SP) 
Horário: 21h (de Brasília)
Transmissão: Ao Vivo na RedeTV! a partir de 0h30 de sábado para domingo

Card Principal

Ao vivo na RedeTV! a partir de 00h30 (sábado para domingo)

Até 61,2kg: Tyson Nam (EUA) x Fernando Vieira - Superluta

Até 56,7kg: Silvana "La Malvada" Juarez (ARG) x Linn Wennergren (SUE) - Superluta

Até 70,7kg: Jay Furness (ING) x Gláucio Eliziário - Superluta 

Até 56,7kg: Taila Santos x Poliana Botelho - GP peso-mosca feminino

Card Preliminar

Transmissão na semana seguinte

Até 66,2kg: Carlos Torres (MEX) x Guilherme Faria - GP peso-pena masculino

Até 66,2kg: Giovanni Arroyo (EQU) x Ranfi Rivas (VEN) - GP peso-pena masculino

Até 66,2kg: Michael Stevens (EUA) x Pedro Falcão - GP peso-pena masculino

Até 70,7kg: Ramazan Kurbanismailov (RUS) x Alan dos Santos - GP peso-leve masculino

Até 66,2kg: Paata Robakidze (GEO) x Missael Silva - GP peso-pena masculino

Até 70,7kg: Michel Silva x Fernando dos Santos - GP peso-leve masculino

Até 56,7kg: Débora Ferreira x Silvaneide Marretinha - GP peso-mosca feminino

Até 70,7kg: Rubenilton Pereira x Wilson dos Santos - GP peso-leve masculino

Até 70,7kg: Mohamed Hassan Badawy (EGI) x Alex Franco - GP peso-leve masculino

Online video lessons